Contribuição Social - 15 Anos de Virtual Vision


No último dia 24 de junho de 2013, no encerramento do Prêmio Learning & Performance Brasil 2013/2014, Daniel Musulin Soeltl, Diretor de Marketing da MicroPower, iniciou a homenagem aos parceiros do Virtual Vision, lembrando que o software está em constante evolução e cada vez mais presente na vida das pessoas com deficiência visual.

Em seguida, Francisco Soeltl anunciou o primeiro parceiro homenageado, o Bradesco, que distribui gratuitamente cópias do Virtual Vision a pessoas com deficiência visual. Milka Musulin entregou o troféu a Jeferson Honorato, superintendente executivo do Bradesco, Luca Cavalcanti, Diretor de Canais Digitais, e André Cano, Diretor executivo. Jeferson Honorato mencionou que a criação do software foi “um divisor de águas na história da inclusão social e digital de pessoas com deficiência visual”.


A Fundação Bradesco foi homenageada pela contribuição na capacitação de pessoas no uso do Virtual Vision.
Daniel Soeltl entregou o troféu a Marco Aurélio e Gina Ester Leôncio, representantes da Fundação. Marco Aurélio lembrou os 20 mil alunos que já passaram pelo curso e os 12 mil formados na acessibilidade ao software. 


Em seguida, Makiano Charan, Diretor-presidente da Adeva, e Guilherme Cavalieri, Diretor de Desenvolvimento Humano para América Latina da Serasa Experian - em nome de João Ribas, coordenador da área de Diversidade & Inclusão, receberam o troféu pela parceria e colaboração com o Virtual Vision. Markiano, que recebeu o troféu de Denis Costa, Diretor de Tecnologia da MicroPower, disse que a homenagem só o motiva a continuar com a capacitação de pessoas com deficiência visual para inclusão no mercado de trabalho. Milka Musulin passou o troféu a Guilherme Cavalieri, que citou o legado deixado à empresa por Elcio Anibal de Lucca, no tocante à inclusão digital.


Em seguida, Odecio Gregio, responsável pela implantação do Virtual Vision no Bradesco, recebeu de Daniel Soeltl o troféu e, em seu discurso, lembrou o prêmio Smithsonian, recebido pelo software. Por fim, emocionou-se ao lembrar relatos de pessoas que se diziam isoladas antes do Virtual Vision e, hoje, estão no mercado de trabalho.


O quinto homenageado foi o Governo do Estado de Goiás, representado por Wellington Soares, pelo Projeto Cidadania Digital Já, que envolve órgãos públicos e empresas privadas no apoio a entidades sociais públicas e do terceiro setor, que promovem a inclusão sociodigital.


Por fim, anunciou a formalização de um acordo com a MicroPower para beneficiar os deficientes visuais do estado de Goiás, por meio do Virtual Vision.
Compartilhe esta notícia nas redes sociais:
LinkedIn Facebook Google+ Twitter